Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


O escritor que já não escrevia #6

por cineteratura100mg, em 22.05.14

 

De manhã acordou estremunhado por um sonho bom. Sonhou que tinha escrito um livro inteiro durante a noite. Saltou da cama e foi até ao computador verficar a veracidade dos factos. Poderia, eventualmente, não ser um sonho, mas sim uma memória. O monitor estava negro. Cada vez menos esperançoso, porque entretanto os pés frios no chão de madeira comida pela tempo, iam fazendo despertar o Escritor do sono. Mexeu no rato e devagar o monitor ganhou luz. A página continuava em branco. Um misto de desilusão e cansaço atingiu o Escritor. Tinha sido um sonho, bom, mas um sonho. Sentou-se novamente à secretária. Acendeu um cigarro. Ainda estava em jejum e sentiu uma pontada de dor no estômago. Olhou a página em branco por entre o fumo azulado do cigarro. De olhos franzidos tentou fixar todo aquele branco, como se estivesse à espera que fosse do branco que a ideia lhe fosse por fim surgir.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



perfil

 photo 01206fd6-bfa9-48ec-9a24-de0761c942a1_zps232780df.jpg

contador


online


Posts mais comentados